Muitos vão dizer que já está batido, outros vão dizer que já foi mais bonito, mas a verdade é que hoje vamos falar de um lugar que amamos tanto, mais tanto, que já planejamos nossa volta em breve. Estamos falando de Porto de Galinhas, em Pernambuco.

Esse pequeno povoado emoldurado por várias praias de águas transparentes e aquários naturais repletos de peixes coloridos, é um lugar cheio de curiosidades, começando pelo seu nome. Após a abolição da escravatura, mesmo com tráfico de escravos já sendo proibido, a prática era realizada clandestinamente por contrabandistas que enchiam seus porões com africanos e os cobriam com galinhas d´angola para disfarçar qualquer chance de descoberta. Como em Recife já havia bastante fiscalização, os contrabandistas desviavam para as praias aos arredores, e quando chegavam no porto anunciavam: “tem galinha nova chegando!”. Muito triste, mas o nome pegou, e a praia que antes servia de porto de contrabandistas de escravos, hoje é um badalado e paradisíaco balneário.

Porto de Galinhas-18

Eleita por mais de 10 anos consecutivos entre as 10 praias mais bonita do Brasil, a vila Porto de Galinhas além de possuir inúmeras belezas naturais, também possui um astral incrível. Pois apesar das ruas estreitas e da sensação do tempo passar mais devagar, Porto de Galinhas ferve durante o verão recebendo turistas de todo o Brasil e dos 4 cantos do mundo.

Andar a pé é a melhor maneira para conferir de perto todo esse astral de Porto de Galinhas. O centro da vila possui várias lojinhas de arte e artesanatos produzidos pelos nativos, onde as galinhas de cerâmica (souvenir oficial de Porto de Galinhas), os bordados, as redes e as mantas tomam contam das prateleiras e estantes.

A gastronomia também tem seu espaço de destaque. Vários restaurantes oferecem pratos à base de frutos do mar e também da cozinha regional (macaxeira, carne de sol e bolo de rolo estão espalhados por todo o lugar). Para completar, Porto de Galinhas ainda tem fôlego para o agito depois que o sol se põe. Nos bares e nas boates itinerantes, montadas na região nos meses de verão, a música rola até altas horas da noite. E o melhor é que todos os estilos têm vez. Do forró ao eletrônico, a ordem é não deixar ninguém parado.

Artesanato Porto de Galinhas
Artesanato Porto de Galinhas
Pracinha da vila de Porto de Galinhas
Pracinha da vila de Porto de Galinhas

Bem, acho que está dando para você ver que Porto de Galinhas realmente tem muito a oferecer ao turista. Mas agora sem mais delongas, vamos te passar todas as dicas para você também conhecer e curtir esse paraíso.

Como chegar:

Localizada a 70 km de Recife, na cidade de Ipojuca, Porto de Galinhas é uma pequena vila de ruas estreitas (algumas ainda de terra batida) onde a vida parece passar mais devagar a maior parte do ano. Sendo assim, a principal porta de entrada de Porto de Galinhas é a capital pernambucana. Atualmente, com a nova via expressa, o tempo da viagem de carro entre Recife e Porto de Galinhas gira em torno de 1 hora sem engarrafamento.

Avião – O aeroporto mais próximo de Porto de Galinhas fica em Recife, a 50 km de distância. Do aeroporto é possível contratar um transfer, ou pegar um ônibus ou um táxi.

Transfer – A maioria das pousadas de Porto de Galinhas oferecem o serviço e o preço varia entre R$ 120,00 a R$ 140,00 para cada sentido. Já a maior operadora de receptivos de Pernambuco, Luck, tem transfers frequentes em uma van. O preço avulso deles gira em torno de R$ 80,00. A empresa possui um guichê funcionando 24 horas no desembarque sul do aeroporto de Recife. Para agendar o transfer com antecedência, entre aqui.

Táxi – Outra opção é pegar um táxi. Do aeroporto de Recife até Porto de Galinhas, o preço em um táxi comum varia em torno de R$ 150,00. O ponto de táxi fica na altura da saída A5 do aeroporto. Apesar de as corridas internas serem por taxímetro, as corridas para outras cidades são negociadas. Já o preço em um táxi especial gira em torno de R$ 240,00 a corrida. O ponto de táxi especial fica na saída A4 do aeroporto de Recife.

Ônibus:

  • Recife a Porto de Galinhas – Existem duas linhas de ônibus operadas pela Viação Cruzeiro, a linha 191, feita em ônibus comum (sem ar-condicionado); e a linha 191/Opcional, realizada em um ônibus um pouco melhor (com ar-condicionado). Ambas as linhas rodam praticamente de hora em hora, entre 6h e 22h e passam pelo aeroporto. Mas infelizmente elas não seguem pela via expressa, elas passam por Ipojuca, o que faz a viagem durar em torno de 2 horas em um dia com pouco engarrafamento. Agora atenção, o ponto final de ambas as linhas em Porto de Galinhas é na entrada da vila, perto do Corpo de Bombeiros. De lá será necessário pegar um táxi para a sua pousada, em frente ao ponto tem vários. O preço para o centro gira em torno de R$ 15,00, já para as praias envolta como o Cupe e Muro Alto, varia entre R$ 30,00 a R$ 50,00.
  • De Maceió/Maragogi a Porto de Galinhas – A Viação Real Alagoas opera uma linha entre Maceió e Recife que passa pelo litoral e te deixa na entrada de Porto de Galinhas. O preço varia entre R$ 50,00 a R$ 70,00, dependendo do tipo de ônibus. Você pode verificar o horário dos ônibus no site da viação Real Alagoas. Mas atenção! Na coluna “tipo”, o serviço tem que ser pelo litoral (LIT). Depois que saltar do ônibus, você pode pegar uma van que passa em direção ao centro da vila, ou pegar um táxi. Para quem está em Maragogi, também é possível pegar esse ônibus na estrada PE-060.

Carro:

  • Recife a Porto de Galinhas – Depois da nova estrada com pedágio, a via expressa, essa viagem se tornou muito mais rápido (é possível fazê-la em menos de 1 hora). Você deve sair de Recife sentido a BR-101 e no entroncamento com a rodovia PE-060, pegar a nova estrada sentido Suape. A nova via é quase toda duplicada, com velocidade máxima de 100 km/h e lombadas eletrônicas de 60 km/h próximo aos entroncamentos. O pedágio custa R$ 6,00 para o carro de passeio.
  • Maceió/Maragogi a Porto de Galinhas – Para quem vem da capital alagoana, apesar de ser um pouquinho mais longe, o caminho mais bonito é seguir pela Rota Ecológica. Saindo de Maceió, é só seguir pela rodovia AL-101 toda vida. Você vai passar por Barra de Santo Antônio, Passo de Camaragibe, Barra de Camaragibe, São Miguel dos Milagres e Porto de Pedras, onde você deve pegar uma balsa para cruzar o rio. Após isso, a estrada AL-101 passa por Japaratinga, Maragogi e cruza para o estado do Pernambuco, onde muda para estrada PE-060. Daí em diante é só seguir até o entroncamento da rodovia PE-051 (estrada que vai para Porto de Galinhas). Para quem está com mais pressa, outra opção é antes de chegar em Barra de Santo Antônio, pegar a estrada AL-105 sentido São Luís do Quitunde e Porto Calvo, de onde você pegará a rodovia AL-465 sentido Japaratinga. Daí em diante você volta para a estrada AL-101 e segue o mesmo trajeto explicado acima.
Mapa Rota Ecológica
Mapa Rota Ecológica

Onde ficar:

Quando o assunto é hospedagem, o que não falta é opção. Atualmente, Porto de Galinhas conta com várias pousadas, hotéis e resorts para todos os gostos e bolso. Mas preste atenção! Na maioria das vezes as atividades diárias do turista são influenciadas pela opção de hospedagem escolhida. Por exemplo, a maioria dos resorts ficam localizados nas praias ao redor da vila de Porto de Galinhas, afastados do centro. Logo quem preferir esse tipo de hospedagem, muitas vezes fica restrito a luxuosa estrutura do próprio resort e acaba fazendo tudo por lá mesmo, não conseguindo sair para ver as atividades da vila em si.

Por outro lado, quem optar por ficar em pousadas encontrará diárias mais acessíveis, sem todo aquele luxo dos resorts na beira da praia, mas ao mesmo tempo vai estar mais próximo da vila de Porto de Galinhas, de suas lojinhas, restaurantes, bares e seu alto astral. Portanto, para quem está sem carro, a melhor dica que podemos dar é: se hospede perto da Praia de Porto de Galinhas (ou Praia da Vila). Você vai conseguir fazer quase tudo a pé, e se quiser ir até as outras praias, é só contratar um passeio, mas isso vamos falar mais adiante.

Nós ficamos hospedados na Pousada Casamar, um lugar super charmoso, confortável, com um ótimo atendimento e uma localização privilegiada. A pousada fica a apenas 250 metros das lojinhas de arte e artesanato, e dos restaurantes e bares, e a 400 metros da praia de Porto de Galinhas e de suas lindas piscinas naturais. Passamos dois dias incríveis por lá. Fora toda a atenção dos funcionários, o café da manhã era delicioso, cheio de comidas típicas e uma tapioca fora do normal de boa, principalmente a de queijo e goiabada. Pode pedir sem medo, você não vai se arrepender.

Pousada Casamar
Pousada Casamar
Pousada Casamar
Pousada Casamar
Pousada Casamar
Pousada Casamar

A Pousada Casamar realmente é um lugar encantador e com um ótimo custo-benefício. Super recomendamos! E não é só a gente não. A pousada é muito bem recomendada pelo site do Booking, dá só uma olhada.

Caso você esteja atrás de outro tipo de hospedagem, no Booking também é possível encontrar várias outras opções de pousadas e resorts. Veja só essa lista de hospedagens com desconto.

Onde comer:

Agora atenção! Preste bastante atenção se você não quiser sair de Porto de Galinhas com uns quilinhos a mais. Um passeio pelo centro da vila é tentador. São milhares de opções gastronômicas de dar água na boca. O que não falta é restaurante, bares, sorveterias e barraquinhas de comida para todos os gostos e bolsos. Além das comidas típicas da região, você encontra de tudo em Porto de Galinhas.

Entre os mais famosos e mais caros estão o restaurante Beijupira, o Barcaxeira e o restaurante Itaoca. Desses, estivemos somente no último. O restaurante é em frente a praia e tem um clima muito bom. Em nosso primeiro dia em Porto de Galinhas bebemos duas cervejas e comemos uma porção de gurjão de peixe ao entardecer. Pagamos cerca de R$ 60,00, um pouco caro, pois a porção era boa, mas nada demais e não era tão bem servida. Mas valeu pelo clima.

Restaurante Itaoca
Restaurante Itaoca
Restaurante Itaoca
Restaurante Itaoca

Agora a dica boa mesmo é o novo restaurante Mardioca. Segundo boatos da vila, a dona do restaurante é uma antiga sócia do Barcaxeira. Jantamos um dia lá e achamos a comida muito boa, bem servida e o preço bem justo. Gastamos em torno de R$100,00 com um prato pra dois e bebidas. Valeu muito a pena. Então fica a dica!

O que fazer:

Claro que a maioria dos visitantes de Porto de Galinha está a procura de suas belas praias e seus aquários naturais cheios de peixes coloridos. Porém, temos certeza que assim como nós, muitos turistas se surpreendem com as várias opções de lazer na região, como os passeios de bugre, jangada, ou a cavalo que quase sempre são emoldurados por coqueirais, areias brancas e um mar de tons esverdeados. Porto de Galinhas conta com 7 praias além da Praia da Vila onde ficam as principais piscinas naturais de Porto de Galinhas. Como só tivemos 2 dias na cidade, não conseguimos visitar todas as praias, mas ainda assim aproveitamos muita coisa por lá. Saca só essas dicas:

Praia de Muro Alto
Praia de Muro Alto
Pontal do Maracaípe
Pontal do Maracaípe

Piscinas Naturais de Porto de Galinhas:

Marca registrada de Porto de Galinhas, as piscinas naturais ficam a 200 metros da praia da vila e a 5 minutos de viagem bem tranquila em cima de uma jangada. O passeio ocorre somente uma vez por dia, durante a maré baixa. Portanto, fique de olho na tábua de marés (toda pousada tem uma) e programe certinho seu passeio.

Todas as jangadas saem do mesmo local, e o preço é tabelado, R$ 20,00 por pessoa. Você compra o ticket num guichê da Associação dos Jangadeiros de Porto de Galinhas que fica na pracinha em frente a praia e depois é só entregar a sua ficha para o funcionário da associação que estiver na areia que ele vai te encaminhar para uma das muitas jangadas coloridas que compõem o cenário paradisíaco.

Jangadas Porto de Galinhas
Jangadas Porto de Galinhas
Piscinas Naturais Porto de Galinhas
Piscinas Naturais Porto de Galinhas

A área dos arrecifes são enormes e formam várias piscinas naturais de águas cristalinas em tons esverdeados com vários peixinhos. Porém, não são em todas as piscinas que se pode mergulhar ou caminhar. Logo, preste bem atenção aos locais delimitados com uma corda. Vamos ajudar a preservar a vida marinha, né!?

O passeio dura cerca de 40 minutos, não é muito, mas dá para curtir bastante, ainda mais se você seguir essas próximas dicas.

Piscinas Naturais Porto de Galinhas
Piscinas Naturais Porto de Galinhas
Piscina Natural de Porto de Galinhas
Piscina Natural de Porto de Galinhas
  • Leve ou alugue máscara de snorkel (os próprios jangadeiros alugam, alguns até emprestam). Você vai conseguir ver os peixes de muito mais perto, ainda mais usando a ração que os jangadeiros dão.
  • Vá de chinelo ou algum calçado que possa molhar para evitar machucados devidos os corais e ouriços.
  • Saia para o passeio enquanto a maré estiver descendo, um pouco antes do horário da maré mais baixa do dia. Assim você vai pegar o melhor nível da maré durante o passeio.
  • Leve câmera fotográfica, a paisagem é sensacional. Se possível leve uma a prova d’água ou uma capinha de celular a prova d’água.

Infelizmente no dia em que fizemos o passeio, a maré baixa era muito cedo e o tempo não está muito bom. Mas mesmo assim foi muito lindo e curtimos muito. Valeu muito a pena!

Praias de Porto de Galinhas

Praia de Porto de Galinhas (ou Praia da Vila) – Eleita várias vezes como a melhor praia do Brasil pela Revista Viagem e Turismo, a Praia de Porto de Galinhas é uma das praias mais conhecidas do Nordeste e possui inclusive fama internacional. Também não era para menos. A principal praia do povoado, além de possuir ótima infraestrutura e as piscinas naturais mais fáceis de se chegar em todo o Nordeste, também possui 4 km de areia branca e batida, coqueiros e águas calmas, transparentes e mornas. Ou seja, uma praia ideal para toda a família.

Praia de Porto de Galinhas
Praia de Porto de Galinhas

Praia do Cupê – Localizada ao norte de Porto de Galinhas, a Praia do Cupê concentra a maior parte dos hotéis e pousadas, diversos situados na beira mar. São 4,5 km de praia onde em sua ponta, o Pontal do Cupe, existem arrecifes que formam piscinas boas para banho. Agora atenção! Nos trechos sem arrecifes, a praia tem muitas vezes ondas fortes e exige atenção redobrada dos banhistas. Por isso alguns surfistas costumam pegar ondas no local. Nós acabamos não ficando na praia exatamente por isso. Estava ventando muito e o mar estava muito agitado.

Praia do Cupê
Praia do Cupê

Praia de Muro Alto – Uma das praias mais bonitas do Brasil e uma das que mais gostamos durante a nossa viagem pela Costa dos Corais, a praia de Muro Alto tem 2,5 km de extensão e possui arrecifes que formam piscinas de águas bem calmas e mornas por toda sua dimensão. O seu acesso é feito por estrada asfaltada a partir do Posto da Policia Rodoviária na PE 09 (vai ter placas indicando). Após o resort Nanai o trajeto deixa de ser de asfalto e passa a ficar bem ruim. Para quem tem o carro baixo, talvez o melhor seja parar e seguir a pé, afinal a praia já está bem perto. Também pode-se chegar a Praia de Muro Alto caminhando pela areia a partir da Praia do Cupê.

Praia de Muro Alto
Praia de Muro Alto
Praia de Muro Alto
Praia de Muro Alto

Praia de Maracaípe – Com seu clima jovem e descontraído, Maracaípe conquista o visitante por sua beleza natural e extensa rede de coqueiros. Conhecida como o paraíso dos surfistas, a praia já entrou para o calendário nacional e internacional do surf em decorrência de suas águas claras e ondas fortes. Portanto, atenção! A praia é bem perigosa para banho.

Praia de Maracaípe
Praia de Maracaípe

Pontal do Maracaípe – Quem vai até a Praia de Maracaípe, não pode deixar de ir a Praia do Pontal. Formada na foz do Rio Maracaípe, essa praia oferece como atrativo águas mornas, claras e bem tranquilas. Isso sem falar na paisagem espetacular da junção do rio com o mar. Para quem quiser se aventurar, é possível fazer um passeio de jangada pelo Rio Maracaípe e visitar um centro de tratamento de cavalos marinhos. Outra dica é esperar pelo pôr do sol no Pontal de Maracaípe, foi o mais belo que vimos durante toda nossa viagem pela Costa dos Corais. Realmente espetacular!

Pontal do Maracaípe
Pontal do Maracaípe
Pontal do Maracaípe
Pontal do Maracaípe

As próximas praias infelizmente não tivemos a chance de conhecer, mas vale a pena as dicas.

Praia da Enseadinha – A Praia de Enseadinha fica do outro lado do Pontal de Maracaípe e tem características semelhantes. Na maré baixa é possível atravessar a pé do Pontal até a Praia de Enseadinha.

Praia de Serrambi – É uma praia com faixa média de areia e mar de águas calmas. O acesso pode ser feito por carro a partir de estrada asfaltada desde a rodovia PE-60.

Praia da Camboa – Praia de areia clara e coqueiros em toda sua extensão. Os arrecifes formam uma grande piscina natural que proporciona um banho em águas calmas e pouco profundas. O acesso deve ser feito de buggy ou a pé a partir da Praia de Muro Alto.

Passeio de Buggy

Os passeios de buggy em Porto de Galinhas também são muito famosos. O roteiro da maioria dos passeios dura cerca de 7 horas e custa em média R$250 por buggy que cabem 4 pessoas. Esse preço é possível ser negociado na hora, ainda mais em baixa temporada. O passeio passa pelas praias de Muro Alto, Cupê, Praia da Vila, Maracaípe e Pontal do Maracaípe. Como a gente tinha alugado um carro em Recife, acabamos preferindo conhecer as praias por conta própria e não fizemos o passeio de buggy. Mas o passeio é uma boa opção para quem está sem carro.

Passeio a Praia dos Carneiros

Muito perto de Porto de Galinhas, a praia dos Carneiros é um cenário paradisíaco que você não pode deixar de conferir. Nós passamos 2 dias por lá, mas a partir da vila, é possível pegar passeios de bate e volta em catamarãs que te levam até essa praia incrível. Fica a dica!

Praia dos Carneiros - Pernambuco
Praia dos Carneiros – Pernambuco

Ufa! Chegamos ao fim. Acho que agora você entendeu o porquê nós amamos tanto, mas tanto, Porto de Galinhas. Esperamos que você tenha gostado das dicas e que tudo tenha ficado bem claro. Se você ficou com alguma dúvida, nos deixe um comentário, vamos adorar te ajudar. E caso você ache que esse post possa ajudar algum amigo seu, por favoe não deixe de compartilhá-lo.

Para saber tudo o que rola no blog e pegar mais dicas de viagem, siga a gente no Facebook e Instagram, também temos muitas coisas legais por lá.

Mil beijos

CsV

Author

Designer, blogueiro e empreendedor por natureza, sou amante de fotografia, viagens e da boa culinária. Após meu primeiro intercâmbio, criei uma paixão por viagens. De lá pra cá foram 2 mochilões, 15 países conhecidos, fora as viagens no Brasil. Fascinado por experimentar novos sabores, adoro combinar e inventar novas receitas.

34 Comments

  1. Júlia Regina Gabriel Reply

    Oi, adorei o review!
    Vocês aconselham a ficar quanto tempo em Porto de Galinhas?

    • Oi Julia, tudo bem? Muito bom saber que gostou do post. Nós ficamos 3 dias e deu pra conhecer bastante. Mas se puder, fique um pouco mais, 4 a 5 dias. 😉

  2. Wesley Barrios Reply

    Obrigado pelo texto, me ajudou demais, vai ser a primeira viagem em família minha, da minha esposa e nossa filha de 9 meses, você acha que um bebê pode ir ao passeio das piscinas naturais? Vamos ficar 5 dias, acho que o passeio de buggy seria muito cansativo, preferiria conhecer umas ou duas praias por dia, o que você acha?

    • Oi Wesley, tudo bem? Muito bom saber que gostou do post. Que legal, espero que vocês aproveitem muito. Bem acho que é possível fazer o passeio das piscinas naturais sim. Ele é curto e sai bem do centro de Porto de Galinhas (na praia da vila). Como o passeio só é feito na maré baixa, o mar fica bem calminho e rasinho. Acho que vocês iam conseguir curtir com ela.

      Acho o ideal mesmo vocês dividirem os passeios paras as praias. Se puderem aluguem um carro, que aí vocês podem ficar mais livre para ir pras praias que quiserem. Qualquer outra dúvida é só perguntar. 😉

  3. Maria Fernanda Reply

    Olá, boa tarde! Tdo bem?
    Então irei a Porto de Galinhas em Março/2017 e estou totalmente perdida… Vê se consegue me ajudar:
    No nosso pacote não incluímos o Transf e não sei se alugo um carro ou se me viro no aeroporto (nosso orçamento está bem limitado rsrsrs) gostaria de conhecer as outras opções de praias tbm, como maragoggi, carneiros e outras citadas acima…
    Qual o valor ideal para levarmos, ficaremos na pousada brasileira, parece q é bem perto das piscinas naturais e a pousada oferece somente o cafe da manhã. Iremos eu e meu marido em lua de mel. O dinheiro seria para refeições e passeios.

    Obrigada!

    • Oi Maria Fernanda, tudo bem e você? Que legal, vocês vão adorar essa região é muito linda. Mas vamos as dicas.

      1 – Alugar o carro vai deixar vocês mais livres para conhecer as praias da região. Principalmente se vocês querem ir para praia dos Carneiros e Maragogi. A diária de um carro saí em média R$ 120,00. A gente sempre aluga pelo site Rentcars. Como falei, com ocarro vocês não vão precisar pagar passeios para irem a Praia dos Carneiros e nem a Maragogi. Caso, vocês optem por ir sem carro, será necessário contratar passeios para explroar as praias de Porto de Galinhas e ir para Carneiros e Maragogi, então tem que ver se compensa.

      2 – O custo para comer varia entre R$ 100,00 a R$ 150,00 por dia pro casal. Isso pensando em uma refeição com bebida não alcoólica (almoço ou janta) e mais um lanche ou petisco. Dá para gastar menos, se você for em restaurantes mais caseiros, ou aquilos. A média de um almoço ou janta, em lugar arrumadinho é R$ 100,00 o casal, com refrigerantes.

      Se vocês forem fazer passeio, tem que pesquisar. Os passeios que nós fizemos foram:
      – As piscinas naturais em Porto de Galinhas – R$ 20,00
      – As piscinas Naturais em Maragogi – R$ 80,00
      – As piscinas naturais em Japaratinga – R$ 60,00

      Mas caso vocês não aluguem um carro, é preciso ver um passeio para as praias de Porto de Galinhas, para a Praia dos Carneiros e um transporte até Maragogi. Bem acho que é isso. Espero ter ajudado. Tenho certeza que vocês vão curtir muito a lua de mel. A região é incrível e super romântica.

      Qualquer outra dúvida é só perguntar. 😉

  4. Carmen Gorete Abreu de Oliveira Reply

    Estarei viajando de Teresina para porto de galinhas em Pernambuco de carro prórpio, e gostaria de saber o perigo da estrada

    • Oi Carmen, tudo bem? Infelizmente não sabemos, nós fomos para Porto de Galinhas a partir de Recife. Então não sabemos com é essa parte da estrada. Mas se você pesquisar no Google, o governo tem um site que mostra as condições das estradas do país.

      Espero ter ajudado. 🙂

  5. Bruna Jorge Viola Reply

    Tenho a intenção de ir para Porto de Galinhas de 03/05 a 10/05/18, poderia me dizer se é uma época boa para se curtir por lá? Chuva e tabua de marés é o que mais me incomoda.

    • Oi Bruna, tudo bem? Bem, essa época é quando começa o período de chuvas da região. Maio, Junho e Julho são os meses que mais chovem, então se você puder, tente trocar a data da viagem, pq com chuva os passeios das piscinas naturais acabam não acontecendo.

      Espero ter ajudado. 🙂

  6. Alessandra Reply

    Bom dia! Estou indo a Porto de Galinhas agora em dezembro, como meu voo de volta e bem cedinho no aeroporto de Recife, eu teria que sair durante a madrugada de Porto de Galinhas, vc acha perigoso?

    • Oi Alessandra, tudo bem? Acho que não, a estrada tá toda nova, bem asfaltada e iluminada, ela foi privatizada, então tá com pedágio. Acho que da pra ir sim, fora que é uma viagem curta, em torno de 1h30m. Espero ter ajudado. Qualquer outra dúvida é só perguntar. 🙂

  7. Isabela Damaceno Cruz Reply

    Casal Só viagem, tudo bem? Adorei o blog!Agora me ajudem! Eu e meu noivo vamos viajar de lua de mel em junho de 2018! Indicação vai, indicação vem, acabamos ficando entre Maceió ou Porto de Galinhas (estando Maceió mais em conta). O que vcs indicam? É nossa primeira viagem ao nordeste, então não temos noção de maré, passeios que seriam prejudicados por conta disso… compensa ficar em maceió e comprar passeios avulsos para porto de galinhas? maragogi? Esses locais podem ser conhecidos em um dia, por exemplo? HELP US, PLEASE! :**

    • Oi Isabela, tudo bem e vocês? Muito bom saber que gostou do blog, ficamos muito felizes.

      Então, vamos as nossas considerações.

      1 – Maceió é uma cidade grande, nós não tivemos tempo em conhecer bem, pq tivemos um imprevisto no carro alugado, logo passamos somente 1 dia. A cidade é bem legal, a orla é linda e bem arrumada. Já Porto de Galinhas é uma vila menor, com menos opções, mas mais charmosa. Quantos as belezas de praias, ambas tem praias lindas, principalmente nos arredores.

      2 – Realmente nessa época, vocês tem que ficar antos a previsão, pois é o período de chuvas. Logo, os passeios das piscinas naturais ficam muito prejudicados, tendo dias que nem acontecem.

      3 – Quanto aos passeios avulsos a partir de Maceió, até é possível fazer para Maragogi, mas acho que não compensa. É meio longe, para ir e voltar em um dia, fora que os passeios para as piscinas naturais só ocorrem na maré baixa, 1 vez por dia, que costuma ser de manha cedinho. Logo para vocês conseguirem pegar o passeio de barco em Maragogi, vocês vão ter que sair muito cedo de Maceió. A região de Maceió tem muitas praias linda, como a praia do Gunga, a Praia do Francês e a Praia do Carro Quebrado. São bem mais perto de Maceió e muito lindas. Pelo imprevisto em nosso carro, só conseguimos conhecer a Praia do Carro Quebrado, mas as outras todo mundo fala que também são incríveis.

      Bem, espero ter ajudado. Se tiver mais algumas dúvida, é só perguntar. 🙂

  8. Olá vc poderia nos ajudar?
    Iremos meu marido e eu para Porto de galinhas no final de Setembro.
    Nosso vôo chega as 22 hs.
    é fácil chegar em Porto de galinhas de carro? É fácil?

    • Oi Sérgio, tudo bem?

      É fácil sim, a estrada nova está toda asfaltada e sinalizada. Saindo do aeroporto de Recife, a vila fica a mais ou menos 1h30. É só vocês se informarem no aeroporto o caminho, lá eles tem mapas, ou então é só colocar no GPS do carro ou do celular. Não tem erro!

      Espero ter ajudado, qualquer outra dúvida, é só entrar em contato. 🙂

      • Oi Sérgio? iremos para Porto de galinhas entre 10 e 14 de Janeiro, iremos de carro,somos 01 casal + 01 criança de 4 anos. Qual a melhor opção para fazermos o passeio q leva as piscinas q tem cavalo marinho?

        • Oi Denise, tudo bem? Então os passeios pra ver Cavalo Marinho ocorrem a partir do Pontal do Maracaípe e vai de jangada em direção aos manguezais. Mas tenho que te alertar que é um passeio muito anti-ecológico. Nós não fizemos pois lemos e ouvimos muitas críticas a esses passeios. Dizem que os jangadeiros mergulham e pegam os cavalos marinhos, colocando-os dentro de vidros para os turistas verem. Segundo o Projeto Hippocampus, que visa a proteção da espécie, essa prática de turismo fez a população de cavalo marinho cair em 80%. O projeto possui uma sede em Porto de Galinhas onde é possível ver alguns Cavalos Marinhos que estão para estudo nos aquários deles. Vale a pena dar uma olhada no site: http://www.projetohippocampus.org/site/

  9. Oi, boa tarde! Estamos saindo da Bahia no mês de outubro com destino a Porto de Galinhas, la passaremos 2 dias e descemos para Maragogi e depois Maceió.
    Você sabe me informar as condições das estradas?

    • Oi Lorena, tudo bem? As estradas são todas asfaltadas e possuem boas condições. É possível ir tanto pela 101 ou pela rota ecológica pela litoral. Ambos os caminhos estão com boas estradas. Bem espero ter ajudado, qualquer outra dúvida é só entrar em contato. 🙂

  10. Hola lo recomiendas para viajar sola o es más para ir en familia o con pareja.
    Ssludos!!

    • Hola Fran, Porto de Galinhas es un destino para viajar tanto solo quanto com família. La ciudad tienes muchos pubs e bares para quem estas solo.

  11. Marina Garcia Reply

    Thiago, estou planejando minha viagem para o ano q vem… mas gostaria de saber de q maneira vc se locomoveu la, para ir de uma praia a outra, porque pelo q vi no mapa Maracaipe fica no sul e Cupe e Muro alto ficam ao norte e sao bem distantes para uma caminhada, apesar de ter visto relatos de pessoas que foram andando

    Muito obrigada

    • Oi Marina, tudo bem?

      Nós alugamos um carro para rodar pela região da Costa dos Corais, aí em Porto de Galinhas nós usamos o carro alugado. É uma boa, você fica mais independente. Sem um carro, você vai ter que pegar um táxi ou fazer passeios de bugre ou barco.

      Bem acho que é isso. Espero ter ajudado. Qualquer outra dúvida, é só entrar em contato. 😉

  12. oi, boa tarde! eu estou para fazer uma viagem de lua de mel, e eu realmente não sei mais o que fazer, pesquisei muito sobre tudo, kkkk.
    então, nosso orçamento está pouco, infelizmente, mas queremos fazer uma boa viagem, incluindo cruzeiro.
    estava lendo esse documentário e achei super interessante, suas experiências em viagens a dois e tudo mais. Gostaria de uma opinião, se puder me ajudar fico muito agradecida.

    • Oi Kátia, tudo bem? Nossa que bacana! Lua de mel é sempre inesquecível. Então, Porto de Galinhas é incrível, realmente muito bonito, e a vila possui uma ótima infraestrutura de pousadas e resorts bem românticos. Com certeza é um lugar muito encantador. Se você quiser outra dica de lugar, daria uma olhada no Uruguai. O país muito bonito, bem romântico e possui um preço bastante em conta. Acredito que também possui opções de cruzeiros por sua costa.

      Bem acho que é isso. Espero ter ajudado. 😉

  13. gostei muitissimo das dicas…estarei indo pra lá em novembro…..uma dúvida: A praia dos carneiros… é interessante sem o passeio nos catamarãs?

    • Oi Adriana, espero que ainda dê tempo em te ajudar. A Praia dos Carneiros é interessante de qualquer maneira, seja indo para ficar hospedado lá, ou somente para passar o dia, de catamarã ou de carro. O lugar é incrível e é uma das praias mais bonitas do Brasil. Vale muito a pena o passeio. 😉

  14. Bruna Fernandes Rego Reply

    Sobre a praia do carneiro, vocês indicam ficar mais de um dia? Obrigada!

    • Oi Bruna, tudo bem?

      Então, nós adoramos o clima da Praia dos Carneiros, o lugar é um paraíso. Nós passamos 1 noite lá e dois dias e ficamos muito encantados. Porém, como lá não tem muitas pousadas, os preços não são tão acessíveis, mas todas as pousadas parecem ser encantadoras, afinal são todas em frente a praia, com pé na areia. Nós ficamos no Bangalôs dos Gameleiros. Super recomendamos! Tivemos um ótimo atendimento por lá.

      Só passar o dia por lá também já ta valendo muito, o lugar é surreal. Tem várias pousadas e restaurante que oferecem a opção de Day use, onde você pode passar o dia usando algumas das acomodações da pousada como piscinas, banheiros duchas e cadeiras de praias.

      Bem acho que é isso. Espero ter ajudado, se tiver qualquer outra dúvida é só perguntar. 😉

  15. LIlian Camargo Reply

    Maravilhoso! Mas me diga honestamente. A cidade tem infra estrutura pra receber bandos de turistas sem prejuizo local? Ou e uma Buzios nordestina, que na alta estacao fica cheia de lixo, caco de vidro na areia, pequenos roubos e esgoto aberto porque a prefeitura nao da conta do movimento? Adoro um paraiso, mas tem que ser em todos os sentidos, nao so de natureza, que isso temos de sobra. Diga la, a verdade. Alias, que vida boa a tua, hein?

    • Oi Lilian, Porto de Galinhas é realmente maravilhoso. Então, nós não fomos na alta temporada, mas acredito que a parte turística da cidade tenha estrutura sim. A vila deve ficar realmente muito cheia no verão e talvez sofra com problemas de transito, mas acredito que no geral deve aguentar bem os visitantes. Búzios também mudou muito. Hoje em dia, apesar de ficar muito cheio na alta temporada, a parte turística está com uma boa estrutura para atender o visitante. Vocês vão adorar Porto de Galinhas, principalmente o Paulo e o Lucas. A região inteira por lá é muito linda, dá para conhecer várias praias envolta.

      A vida é boa dentro de certas condições. É que por aqui só mostramos a parte boa, poucas pessoas sabem a ralação por trás disso tudo. Mas sempre vale a pena.

      Saudades. bjssss.

Deixe seu comentário: